Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Comunicação > Notícias - InforMMA
Início do conteúdo da página
 
Quarta, 28 Março 2018 00:00

Sistema ensina a recuperar área degradada

Paulo de Araújo/MMA
Lançamento do WebAmbiente: parcerias

Lançada nesta quarta-feira, plataforma interativa WebAmbiente apoiará o produtor rural na recuperação e recomposição de vegetação.


Brasília (28/03/18) – Orientar o produtor rural na recuperação e recomposição de áreas degradadas e realizar monitoramento da redução dos gases de efeito estufa na agropecuária são os principais objetivos de duas plataformas lançadas, nesta quarta-feira, em Brasília, pelos ministérios do Meio Ambiente e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Acesse fotos do lançamento

A Plataforma Multi-institucional de Monitoramento das Reduções de Emissões de Gases de Efeito Estufa na Agropecuária (Plataforma ABC) e WebAmbiente são consideradas ferramentas fundamentais para a viabilização do Novo Código Florestal e do Plano Setorial de Mitigação e de Adaptação à Mudança do Clima para a Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura (Plano ABC), bem como para o cumprimento de compromissos internacionais assumidos pelo Brasil.

Para o secretário-executivo do Ministério do Meio Ambiente, Edson Duarte, o lançamento dessas ferramentas significa, na prática, ações e iniciativas que irão colaborar para uma economia de baixo carbono competitiva. “As agendas ambiental e agrícola têm que caminhar juntas, como caminham naturalmente. Ao proteger as florestas, garantimos regime de chuvas no país, o que é fundamental para manter essa potência agrícola que é o Brasil”, disse.

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, também reforçou a importância de uma agenda conjunta entre meio ambiente e agricultura e destacou que com as duas ferramentas será possível monitorar e comprovar, com dados, os efeitos das ações brasileiras na agricultura e no meio ambiente. “O Brasil está muito à frente do resto do mundo nas discussões relacionadas a meio ambiente e clima. E agora, com essas ferramentas, poderemos comprovar o que estou dizendo”, frisou.

WEBAMBIENTE

O WebAmbiente é um sistema de informação interativo que tem como objetivo apoiar o produtor rural na recuperação e recomposição de áreas degradas de Área de Preservação Permanente (APP) e Reserva Legal. A ferramenta faz recomendações personalizadas ao produtor rural para recompor a paisagem nativa de sua propriedade, tudo de acordo com o Código Florestal. Trata-se do maior banco de dados do país, contemplando mais de 780 espécies nativas.

De acordo com a secretária de Extrativismo e Desenvolvimento Rural Sustentável do MMA, Juliana Simões, a plataforma disponibiliza informações de como o produtor rural pode trabalhar para fazer a recomposição de áreas degradas, aponta as melhores tecnologias para que ele faça essa recuperação e também indica as espécies mais adequadas à área que será recuperada.

“O cadastro é muito simples e é uma forma do produtor ter mais sucesso no planejamento da recuperação da área. Na própria plataforma são levantados riscos e a ferramenta mostra formas de contornar esses ricos. Isso possibilita que produtor obtenha sucesso na execução e redução de gastos”, explicou.

Acesse a apresentação WebAmbiente

A iniciativa foi articulada pela Secretaria de Extrativismo e Desenvolvimento Rural Sustentável do MMA, em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

PLATAFORMA ABC

A Plataforma ABC vai permitir o monitoramento das emissões de gases de efeito estufa na agropecuária brasileira, bem como da dinâmica de estoque de carbono no solo.

A ferramenta possui papel estratégico na avaliação do desempenho geral do Plano ABC e dará mais transparência ao monitoramento das ações relacionadas aos compromissos internacionais assumidos pelo Brasil para redução de emissões de gases causadores do efeito estufa.

 

Por: Ascom MMA, com informações do MAPA e da Embrapa.


Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA)
(61) 2028-1227/ 1311/ 1437
imprensa@mma.gov.br



Fim do conteúdo da página