Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

SP - Registro


Imagem

Projeto PDA 081-MA
Recuperação e conservação ambiental através do desenvolvimento agroflorestal em comunidades e assentamentos no Vale do Ribeira e Pontal do Paranapanema: Presidente Epitácio e Caiuá - SP

 










Ficha-Resumo

O processo de degradação da Mata Atlântica eliminou sua cobertura nativa e, desencadeou conflitos sócio-ambientais e fundiários junto às comunidades rurais. Os maiores remanescentes contínuos de Mata Atlântica no Brasil concentram-se na região do Vale do Ribeira cobrindo em torno de dois terços da mesma. A agricultura familiar alijada pelo processo histórico acaba por ocupar Áreas de Preservação, entorno de Parques, as margens de Rios e Áreas mais afastadas, consequentemente de solos menos férteis. Nesta região concentra-se um terço da agricultura familiar do Estado. Na região do Pontal do Paranapanema, a mata contínua da antiga Reserva Florestal, foram eliminadas e deram lugar a grandes latifúndios. A ocupação desordenada gerada pelos conflitos na ocupação do espaço territorial da região aprofundou a degradação ambiental e acirraram os problemas sócio-ambientais das diversas comunidades - fazendeiros, trabalhadores rurais do MST e, os trabalhadores das hidrelétricas que ao final das obras continuaram fixados no Pontal. Do processo histórico da região conta-se atualmente, com um contingente considerável de agricultores familiares nos 103 assentamentos de reforma agrária, com potencial relevante de expansão necessitando, porém de soluções adequadas quanto ao uso sustentável do solo e dos demais recursos naturais, focando a recuperação das reservas legais e dos remanescentes florestais. Em ambas as regiões, a agrosilvicultura está apontando como uma das respostas mais promissoras para a recuperação das áreas degradadas, sejam elas de reserva legal ou de área adjacente de remanescentes florestais. Os Sistemas Agroflorestais biodiversificados e a sucessão ecológica são um aprimoramento técnico-científico desse modelo de plantio de espécies perenes e anuais e, têm como referência os ecossistemas naturais tropicais. Objetiva-se neste projeto, criar, ampliar e/ou melhorar a recuperação de áreas degradadas através dos SAF's, garantindo a participação efetiva das comunidades envolvidas, incluindo as questões de gênero, raça e geração, através da integração entre agricultores e agricultoras familiares, assentados agrários, monitores agroflorestais e técnicos, no desenvolvimento das atividades do projeto bem como, na continuidade das ações para manutenção da conservação das áreas e, qualidade de vida das comunidades inseridas neste contexto, promovendo em ambas as regiões o desenvolvimento sustentável e o enriquecimento da biodiversidade.

Programa da Terra - Assessoria, pesquisa e educação popular no meio rural - PROTER
Sítio Santa Gertrudes, Ribeirão Vermelho, BR - 116 -
km 435.5 - Caixa Postal 131
 

Registro/SP
CEP: 11.900-970
TELEFONE: (13) 3821-6983 - 9772-0796
FAX: (13) 3821-6983 
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

                 

 

Fim do conteúdo da página