Sustentabilidade Ambiental

 

O Programa Água Doce tem o compromisso de garantir o uso sustentável dos recursos hídricos, promovendo a convivência com o Semi-árido a partir da sustentabilidade ambiental. Assim, este sub-componente de gestão trabalha com cinco dimensões: social, ambiental, econômica, espacial e cultural. É coordenado pela Embrapa Meio Ambiente e executado pela equipe de técnicos capacitados em cada estado.

Um de seus objetivos é tornar os sistemas produtivos e de dessalinização auto-sustentáveis com o controle dos impactos ambientais, por meio da capacitação de agentes locais multiplicadores.

Entre seus instrumentos está a avaliação da situação de risco socioambiental das localidades para definição daquela a ser beneficiada. Esta avaliação é elaborada com base no método Novo Rural e no Índice de Sustentabilidade Ambiental (ISA-ÁGUA), utilizando planilhas de caracterização e priorização das famílias que indicam os fatores limitantes (críticos) relacionados a:

- disponibilidade, acesso e uso de água proveniente de dessalinizadores;
- disponibilidade, acesso e uso de água provenientes de outras fontes;
- destino dos efluentes (concentrado, esgoto, águas servidas);
- aspectos gerais (estradas, energia, cooperativas, etc.).

 Outras atividades realizadas pelo componente:    

- caracterização das comunidades e recursos hídricos disponíveis;
- Cadastro dos usuários da água e avaliação de risco nos domicílios da comunidade;
- Avaliação da dinâmica de parâmetros físico-químicos da qualidade de água para entendimento do comportamento do sistema piscicultura;
- Caracterização de fitoplanctons, zooplanctons e clorofila-a nos sistemas de pscicultura.